#Escapes: uma escapada para uma vida mais saudável

Por Cacá Filippini

Foto Arquivo Pessoal

Quantas vezes vivemos a promessa do: “amanhã vou treinar” ou “semana que vem vou pegar firme na academia”? Bom, comigo já aconteceram algumas vezes.

Entrar no ritmo de manter uma frequência na academia, nem sempre é fácil, ainda mais quando não é um hábito. Dias passam, semanas se vão e entramos para a lista de pessoas que pagam academia sem ir.

Pensando nisso, o #ESCAPES de hoje é quase um “intensivão” de treinos para se viciar na sensação de bem estar.

Em meio a encantadora Serra Gaúcha, meu destino foi o Kurotel, um Centro Médico de Longevidade e SPA que oferece um programa fitness que inclui o treino metabólico.

O programa tem a duração mínima de 4 noites e posso dizer que foram suficientes para resgatar a vontade de manter a rotina de treinos.

Leia mais

#Escapes: Que tal aliviar o estresse flutuando?
#Escapes: Minha fuga secreta próxima à cidade

De acordo com o especialista em fisiologia do exercício Luciano Sanseverino, responsável pela compilação, “o treino metabólico é a união da tecnologia de aparelhos redutores de medidas com exercícios resistidos, associados á um treinamento intervalado de alta intensidade (HIIT) e recuperação ativa, aeróbico leve em temperaturas abaixo de 18 graus”.

Na prática, tudo começava na estética com um equipamento moderno que combina ultrassom de alta potência, correntes elétricas Aussie (correntes de média frequência) e correntes elétricas polarizadas, para promover a quebra as células de gordura.

Seguíamos, então, direto para a academia, com uma leve caminhada de 15 minutos e aí a brincadeira começava!

Quatro combinações de exercícios para grandes grupos em quatro séries de 20 cada. Sem intervalo!

Para completar, um HIIT no transport. Foram oito tiros, no protocolo TABATA – ou seja, 20 segundos de atividade intensa para manter 85% da frequência cardíaca máxima, até atingir 100%. Sim, de tirar o fôlego!

Foto Arquivo Pessoal

Terminamos com caminhada leve em uma sala a 16°C.

E o pós? Incrível! Sensação boa! Metabolismo super acelerado e uma disposição que poucas vezes senti. Senti algumas dores musculares no dia seguinte, mas quase imperceptíveis ao término do quarto dia.

Como saldo, voltei pra casa super animada e desde então, pelas últimas três semanas, mantive minha rotina de treinos de volta ao dia a dia!

E você, que tal também ir à busca de mais qualidade de vida também? Compartilhe conosco suas escapadas usando #ESCAPES, faça menos do mesmo e viva melhor!