4 razões para começar a nadar amanhã

Enfrente o medo da piscina com essas dicas de pró

Foto: Shutterstock.

Por Amy Roberts

Geralmente relacionamos a piscina a férias relaxantes nos trópicos ou a um mergulho refrescante num dia quente de verão. Mas basta falarmos de natação que a galera torce o bico. Não se deixe levar por essas ideias ruins sobre o esporte! “A natação é um ótimo cardio, completamente sem impacto, e queima calorias do corpo todo”, diz Earl Walton, técnico de natação e fundador/diretor do Tailwind Endurance, em Nova York, EUA. Pensando nisso, ele listou quatro razões incríveis para começar a nadar agora:

Cross-training
Você já deve ter ouvido isso antes: para otimizar os treinos, é essencial misturar um pouco as coisas. E com a natação sendo tão diferente dos exercícios na academia, no estúdio ou ao ar livre, ela é ideal para trabalhar os músculos que têm sido negligenciados sem querer.

Abdômen incrível
Que nadar pode fortalecer seus braços, pernas, ombros e glúteos, é óbvio. Mas poucos sabem do seu poder sobre o core. “A água é 724 vezes mais densa do que o ar e providencia uma resistência constante e consistente que força o corpo inteiro a se envolver para conseguir algum impulso”, diz Walton. O core, que segura tudo junto, ganha um tônus incrível no processo.

Coração mais forte
Nadar traz um benefício enorme para o seu condicionamento aeróbico também. O exercício força seu corpo a aprender um novo padrão de respiração. “Ao expandir a profundidade e o volume de cada respiração, você força os pulmões e o coração a processar o oxigênio com mais eficiência”, afirma Walton. Dessa forma, o músculo do seu coração ficará mais forte.

Destemida
A natação impulsiona bastante a confiança. Aprender ou aprimorar uma nova habilidade, superando os nervos associados aos potenciais riscos, e perceber que você está totalmente sozinho na água é extremamente empoderador. “Estabelecer uma meta de nadar a piscina toda ou mais pode ser uma experiência que mudará sua vida”, explica Walton. “É o que eu sempre vejo nesses anos como treinador e, na minha opinião, é possivelmente o maior benefício que a natação pode dar às pessoas”.