Aqui está o motivo pelo qual você deveria limpar o colchão (e como fazer!)

Por Emily Becker – Women’s Health EUA

limpar o colchão
Foto Shutterstock

Há poucas coisas mais agradáveis na vida do que aconchegar-se em sua cama, envolto em lençóis e cobertores recém-lavados (ah, aquele cheiro!). Mas – desculpe dar más notícias – mesmo que você tenha acabado de tirar a roupa da secadora, ela ainda estará propícia a ter todos os tipos de bactérias e micróbios. Isso porque você realmente precisa limpar o colchão.

Veja bem, enquanto você dorme, seu colchão absorve constantemente óleo e suor do seu corpo e coleta milhares de ácaros.

O fato é que, quando você está dormindo, seu corpo não “desliga”. “Sei que todos nos consideramos seres humanos limpos, cheirosos e agradáveis. Mas a verdade é que, quando dormimos, nos transformamos em bebês gigantes”, diz Kevin Chon, co-fundador da Coop Home Goods (EUA). “Suamos, babamos e secretamos muitas coisas”.

Essas coisas incluem ainda óleo da pele, cabelo e rosto, que são transferidos para o travesseiro e lençóis (que você também deve lavar regularmente). E todo esse suor, baba e óleo acabam sendo sugados por seu colchão.

Agora, depois de todas essas informações, não significa que você nunca mais será capaz de dormir confortavelmente de novo. Com este guia de como limpar o colchão e protegê-lo de toda essa sujeira, é possível voltar a ter boas (e limpas) noites de sono.

Espere: os lençóis não mantêm o colchão limpo?

Eles ajudam sim. Contudo, Chon ressalta que, assim como os travesseiros ficam amarelos porque as fronhas não são capazes de bloquear todas as coisas ruins, o mesmo acontece entre seus lençóis e seu colchão.

Pense no seu colchão como uma esponja gigante. Ele absorve grande parte do suor e óleo estão no lençol, mesmo aqueles com a maior contagem de fios.

Leia mais

Profissionais esclarecem com que frequência você deve lavar seus lençóis
11 maneiras de tirar cheiro de suor das roupas de treino

“O que acontece é que todos esses fluidos e materiais estranhos acabam caindo no colchão, e você pode não ver uma mancha imediata, mas com o tempo, ele começa a se acumular”, explica Chon.

Novamente, é útil pensar no seu colchão como uma esponja gigante. Se ficar muito úmido, você nunca será capaz de secá-lo completamente, e o mofo é algo com o qual você definitivamente não quer dividir sua cama.

Como limpar o colchão, de acordo com especialistas

1. Local limpo

Primeiro, use uma mistura de duas partes de peróxido de hidrogênio, uma parte de bicarbonato de sódio e uma parte de detergente de limpeza para atingir qualquer mancha, diz Chon. Passe um pano na mistura com a mão, mas não com uma escova – as cerdas podem acabar danificando mais as fibras do colchão do que ajudando a situação. Quando estiver satisfeita, absorva o máximo de líquido possível com toalhas de papel.

2. Desodorizar

Coloque 10 gotas de seu óleo essencial favorito em uma caixa de bicarbonato de sódio e agite-o até misturar. Usando uma peneira, peneire a caixa inteira sobre o colchão (ou o quanto for necessário até que ela esteja coberta), esfregue-a levemente e deixe descansar por uma hora.

Isso dá ao seu colchão a chance de absorver a umidade restante desde o primeiro passo e absorver qualquer odor, explica Chon.

3. Vácuo

Por último, mas certamente não menos importante, Chon diz que usa um aspirador equipado com o acessório para limpeza de estofados para limpar todo o bicarbonato de sódio. Quando terminar, deixe o colchão de fora por algumas horas para continuar a arejar. E então, pronto. Seu colchão será (quase) tão bom quanto um novo.

Com que frequência devo limpar meu colchão?

Depois de ler isso, você pode estar pronta para limpar seu colchão AGORA. Mas antes de pegar o bicarbonato de sódio, lembre-se (novamente) que seu colchão é como uma esponja gigante. Isso significa que ele absorverá tudo o que colocar nele, mesmo que seja uma solução de limpeza. Portanto, embora seja bom limpá-lo se você já o usa há vários anos e nunca o limpou, você não necessariamente precisa.

Acontece que menos é mais neste caso: como você só poderá limpar a superfície do colchão, diz Chon, em vez de higienizar regularmente, invista em um acessório que tornará a limpeza menos necessária .

Estou falando de um protetor de colchão. Um bom protetor (leia-se: não aqueles que você tinha na cama quando criança) ajudará a segurar todo o suor e ácaros e poeira por mais tempo, para que você possa manter a cama mais fresca por anos.

O que mais você deve fazer para proteger seu colchão?

Se você nunca virou seu colchão, reserve um momento agora para girá-lo 180 graus.
Chon sugere fazer isso a cada três meses para uniformizar onde você está pressionando o colchão. Caso contrário, você corre o risco de começar a ceder ao suportar o peso corporal nos mesmos pontos toda noite. Além disso, como você dorme, com que frequência o vira e como cuida dele afeta seu tempo de uso.

Por exemplo, se você derramou líquidos em seu colchão, nenhuma quantidade de limpeza de superfície o fará com a limpeza profunda que seu colchão realmente precisa. Então, talvez adote uma política de não comer e não beber na cama. (Eu sei, que chato.)

Legal, então quando devo comprar um colchão novo?

Não preciso lhe dizer que os colchões podem ser caros. Mas se o seu perdeu sua forma, elasticidade, cheira mal, apesar da limpeza, ou simplesmente não está dando o sono repousante que você precisa, é hora de investir em um novo.

“Leve a higiene do sono a sério”, aconselha Chon. “Isso realmente pode ajudá-lo a se tornar a melhor versão de si mesma, garantindo o descanso que merece”.