FARM presta homenagem aos índios na sua coleção de inverno 2018

Por Camila Borowsky

farm-inverno-18-womens-health-brasil-1
Foto: Raphael Lucena/Divulgação FARM

Na sua coleção inverno 2018O Coração É o Norte, a FARM chega para lutar contra o preconceito aos povos indígenas. Tanto que parte da venda das peças (mais precisamente, 8%) com a etiqueta #menospreconceitomaisindio será revertida ao Instituto Socioambiental (ISA), uma organização que defende povos indígenas, comunidades tradicionais, direitos humanos e o patrimônio cultural.

A ideia da marca é promover um mergulho no coração do Brasil, a Amazônia, e em toda a região Norte, de Belém à Alter do Chão, passando pelo Rio Amazonas até chegar ao Rio Gregório, no Acre.

Dentro de O Coração é o Norte há várias minicoleções. “Menina do rio” traz o romantismo e a paixão pela chita. Mistura a menina do Rio de Janeiro com a dos rios amazônicos. “Feitiço Caboclo” aparece como a garota boho, com todo o seu charme étnico e cigano. “Sereia elétrica” surge com acabamentos metalizados e brilhantes. “Rauti”, além do grafismo em preto e branco, vem também com o colorido do povo Yawanawa. Em “Amazônia”, observamos a fauna e flora da nossa floresta, com tucanos, onças, bananas e cajus.

Veja mais imagens a seguir:

COMPARTILHAR