Acredite: você provavelmente tem ácaro nos cílios!

Por Aryelle Siclait – Women’s Health EUA

Ácaro nos cílios
Foto Shutterstock

Atenção: existem dois tipos de problemas que podem residir nos seus cílios. Mas antes de correr para o espelho e começar a inspecionar os olhos, saiba que “ácaro nos cílios, na verdade, é supercomum e normal”, segundo Howard R. Krauss, médico neuro-oftalmologista da Providence Saint John’s Health Center (EUA).

Leia mais

É possível ter vermes nos olhos?
Mulher perde olho após tomar banho usando lentes de contato
Condição rara faz mulher chorar sangue e perder pele da boca

Ainda assim, não é necessariamente a coisa mais reconfortante saber que agora minúsculas criaturas estão rastejando para cima e para baixo em seus cílios. Então aqui está o que você precisa saber sobre esse assunto!

Tudo bem, o que exatamente são os ácaros?

Os ácaros dos cílios – como Demodex folliculorum e Demodex brevis – são passados de pessoa para pessoa e vivem no rosto, tipicamente ao redor dos folículos pilosos (onde eles depositam seus ovos). “Eles se alimentam de muco, sebo e óleos que as pessoas tendem a secretar de seus poros faciais e glândulas ao redor do olho”, diz Krauss.

Algumas pessoas têm mais desses ácaros do que outras. Se você tem uma pele mais oleosa ou se torna um hábito dormir com maquiagem, é mais provável que aconteça com você.

“Os ácaros também podem ir para sua pele se seus olhos estiverem inflamados ou irritados”, diz Krauss (novamente, porque o muco extra está sendo secretado).

Então, como eu sei se tenho ácaro?

Há uma chance muito boa de que você já tenha. Lembre-se: eles amam o óleo em seu rosto, o que é totalmente normal. Você simplesmente não pode vê-los a olho nu. “Contudo, se você quiser realmente ver, olhe para um cílio caído com uma lupa de 16x”, diz Krauss.

Certas condições podem te tornar mais suscetível aos ácaros – embora esses problemas subjacentes devam preocupar mais do que os próprios ácaros. Se você tiver blefarite (inflamação das pálpebras que causa olhos lacrimejantes, vermelhidão, coceira ou ressecamento) ou alergias, por exemplo, provavelmente poderá contar com mais ácaros, já que seus olhos estão segregando muco.

As mulheres também podem ter mais ácaros do que os homens por razões hormonais, e as pessoas mais velhas muitas vezes têm mais ácaros do que os mais jovens (a secreção de sebo aumenta com a idade, diz Krauss).

Ok, mas se eu tiver, como me livro deles?

Então, você não pode se livrar de todos os seus cílios. Os ácaros de cílios são totalmente normais e nada para se preocupar. As coisas pelas quais eles são atraídos (irritação, inflamação, muco extra) são o verdadeiro problema. “Eu não acho que você deva se preocupar em ter os ácaros, mas você não deve ignorar”, diz Krauss.

“Se você tiver blefarite, por exemplo, pode aplicar uma compressa quente e úmida ou lavar por alguns minutos”, orienta. A umidade quente facilitará a limpeza do acúmulo de crostas em volta dos olhos. Também ajudará a reduzir as secreções que causam as bactérias que causam inchaço e irritação nas pálpebras. Bônus: quanto menos secreções nas glândulas, menos ácaros você terá, já que eles terão menos para se alimentar.

Tem uma irritação que simplesmente não desaparece? Consulte seu oftalmologista para descobrir o que está acontecendo. Esses ácaros não são um problema (sério!), mas os olhos sujos podem ser um sinal de um problema maior.